Angola cria agência que aluga pessoas para chorar em velórios

Quem pensa em iniciar a sua própria empresa geralmente fica receoso em colocar o negócio para funcionar quando há uma grande crise económica, como a que vive neste momento em Angola e várias outras partes do mundo.

Isso é natural, pois os resultados sonhados podem não vir tão rápido quanto se espera.

Pensando assim, um jovem angolano que não teve a identidade revelada em uma entrevista radiofónica, usou da sua criatividade empreendedora e criou uma empresa de prestação de serviços.

“Alugamos tias pra chorar nos óbitos, encarregados de educação, tios pra fazer apresentação, e namorados/as de fachada. Se precisas deixar uma mensagem inbox. Estamos em todas províncias”.

O jovem empreendedor, disse que houve essa necessidade, porque há famílias que não sabem chorar bem nos óbitos.

“Nós temos tias, tios e moços que choram muito bem nos óbitos”, frisou.

Conforme se pode ouvir na entrevista, que saiu com um toque de humor, que nos faz pensar se é ou não verdade.

Comente aqui pelo Facebook

Tags:

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.