Professores e Alunos da Escola Josina Machel “trocam copos” nas barracas do Museu

Vários professores da Escola Secundária Josina Machel, cidade de Maputo, apesar dos insistentes apelos morais, continuam a conviver com os seus alunos nas barracas do Museu.

A Escola Secundária Josina Machel está situada numa das zonas de referência da cidade capital do país. No seu recinto funciona uma cantina, biblioteca, sala de professores, entre vários serviços. Nas suas imediações, localiza-se o Museu de História Natural.

Ainda nas imediações daquela escola existe o Jardim dos Professores, que oferece serviços de restauração e parque infantil. Trata-se de locais que poderiam servir para entreter tanto os alunos, assim como os professores daquela escola.

Porém, os relatos colhidos junto dos alunos, vendedores do mercado, assim como de alguns professores, mostram uma realidade diferente, pois quase todos os dias há informações sobre alunos encontrados a drogarem-se, apreensões de bebidas alcoólicas e drogas nas salas de aula, entre várias situações criminosas.

Na “Josina Machel” foram trancadas as salas que eram usadas pelos alunos para o consumo de bebidas e actos sexuais. Foi ainda solicitada uma equipa policial que faz o patrulhamento naquelas bandas, quase todos os dias.

Parte desta bebida é comprada nas barracas do Museu.
A maior parte dos envolvidos são alunos do curso diurno com idades que variam entre 15 e 17 anos.

LEIA TAMBÉM: Edson Macuácua renuncia ao cargo de vice-presidente da Comissão de Investigação da Dívida Pública

Comente aqui pelo Facebook

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.