Sobe para 499 o número de mortes no desastre de deslizamento de terra em Serra Leoa

Corpos encontrados nas inundações e deslizamentos de terra em 14 de agosto em Serra Leoa totalizaram 499, informou a mídia local no domingo.

Entre as vítimas estão 162 homens, 163 mulheres, 70 meninos e 86 meninas, além de mais 18 corpos encontrados recentemente, informou o jornal Awoko.

O lado de uma colina desabou com fortes chuvas nas primeiras horas do dia 14 de agosto, matando moradores e destruindo casas perto ou nos arredores de Freetown, capital de Serra Leoa, deixando mais de 2.000 outros desabrigados.

O presidente de Serra Leoa, Ernest Bai Koroma, declarou na terça-feira sete dias de luto em todo o país com início imediato.

As ajudas humanitárias estão chegando de países como China e Gana para as pessoas afetadas pelo desastre.

De acordo com a Embaixada da China em Serra Leoa, além de doações de empresas e organizações chinesas locais, o governo chinês decidiu fornecer ajuda humanitária de emergência de um milhão de dólares americanos para o governo de Serra Leoa.

Gana também mobilizou US$ 1 milhão em itens de socorro para as vítimas da inundação e desmoronamento de terra em Serra Leoa.

Fonte: Xinhua

Comente aqui pelo Facebook

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Inline
Inline