ÚLTIMA HORA: Dhlakama anuncia Cessação Provisória de Ataques Militares da Renamo em todo País

O líder da Renamo, Afonso Dhlakama, anunciou, hoje, a cessação provisória das hostilidades militares em todo o país.

Falando em conferência de imprensa, via telefone, Afonso Dhlakama disse que o fim dos ataques começou na madrugada desta terça-feira e vai prolongar-se por sete dias.

“Vos convidei para uma conversa muito importante para a sociedade, para todo o povo do Rovuma ao Maputo. Anuncio a cessação das hostilidades militares a partir das zero horas de hoje, terça-feira, 27 de Dezembro de 2016. Em todo território moçambicano não haverá combates entre as forças da Renamo e as Forças Armadas de Moçambique. Portanto esta decisão nasceu, surgiu numa conversa tida ontem. Tomei iniciativa, liguei para o Presidente da República, Nyusi, e coloquei-lhe a possibilidade de oferecermos esta trégua provisória para os moçambicanos passarem as festas do ano novo em Paz e ele concordou comigo…irei dar ordem, aliás, já foram dadas ordem às nossas unidades em todas as províncias. Posso garantir os nossos amigos, familiares de Maputo, Sofala, Cabo delgado e Zambézia, podem transitar à vontade nas vias, na Estrada número um (EN1), sem nenhum problema….Podem andar à vontade, até que a trégua termine …. Quero já adiantar, se tudo correr bem, terminar o prazo, porque não, o Dhlakama e Nyusi voltarem a falar ? “ indagou  o líder da Renamo.

 Dhlakama explicou que a decisão é resultado da conversa telefónica que ontem manteve com o Presidente da República, Filipe Nyusi.

Fonte: RM

Comente aqui pelo Facebook

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.